Conteúdos > Notícias

Participação em grupos técnicos reforça atuação do Cipem

Publicado em 20 de Abril de 2017
O atendimento às demandas do setor industrial da base florestal de Mato Grosso tem levado o CIPEM a integrar grupos de discussão em vários segmentos. São câmaras, grupos, fóruns, comitês e conselhos, no Estado e fora dele, que fomentam o desenvolvimento da atividade.

O executivo do CIPEM, Valdinei Bento dos Santos, entende que participar de todas as discussões, não apenas da Câmara Técnica Florestal (CTF), como das demais, “é importante, porque o setor inserido nos debates, consegue identificar se as normativas pensadas não engessam o processo produtivo. É importante entender a funcionalidade de um segmento, como ele ocorre na prática; dessa forma, as normativas sendo construídas em conjunto, melhora o trabalho de todos os envolvidos, sem desrespeitar o meio ambiente”.

Para ele, outro benefício é a visibilidade que o setor alcança ao encabeçar debates de interesse geral da sociedade, pois, ao contrário do que alguns pensam “ao setor é imprescindível que a floresta se mantenha de pé. Infelizmente, a sociedade - por desconhecimento da prática sustentável de produzir - acaba por internalizar o que a mídia divulga de forma errônea. O CIPEM consegue reduzir o impacto dessas inverdades ao manter diálogo com todos os órgãos envolvidos”.

  1. Câmara Técnica Florestal – CTF (Coordenação);

  2. Grupo Gestor do Programa de Desenvolvimento Florestal do Estado de Mato Grosso - GGPDFS/MT (Secretaria);

  3. Fórum Mato-Grossense de Mudanças Climáticas - FMMC (Membro Titular);

  4. Comissão Estadual do Zoneamento Socioeconômico Ecológico – CEZSEE (Integrante);

  5. Comitê Estadual da Estratégia Produzir, Conservar e Incluir – PCI (Integrante);

  6. Comitê Técnico Nacional do DOF IBAMA (Integrante);

  7. Conselho Diretor do Fundo Estadual de Transporte e Habitação – Fethab (Integrante);

  8. Conselho Gestor do Sistema Estadual de REDD+ (Membro Titular);

  9. Conselho Temático de Meio Ambiente – CONTEMA (Integrante);

  10. Fórum Nacional das Atividades Florestal – FNBF (Presidência do FNBF Geraldo Bento).

  11. Conselho Consultivo do Mosaico da Amazônia Meridional (Conselheiro representando o setor produtivo da base florestal)


  12.