Conteúdos > Notícias

Governo do Estado e setor produtivo promovem dia de campo para Judiciário e capacitação para empresários no interior

Publicado em 31 de Janeiro de 2018
Novas estratégias para o desenvolvimento sustentável da cadeia produtiva são adotadas em parceria entre governo e base florestal

CRISTIANE OLIVEIRA

Da assessoria

Ainda no primeiro semestre deste ano o Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeiras do Estado de Mato Grosso (Cipem) em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) levam para o interior treinamentos relacionados ao setor de base florestal.

O primeiro é a “Capacitação em Gestão Florestal” voltada a empresários e gestores do segmento e abordará temas relacionados a procedimentos, legislação, políticas públicas, ações de apoio à sustentabilidade ambiental, convênios e setores de investimentos, administração florestal e organização do pátio industrial e estoque.

Um dia de campo numa área de manejo florestal sustentável, chamado de Dia da Floresta, será a segunda atividade. Tem o foco de apresentar a procuradores e outras autoridades do Poder Judiciário o processo de colheita sustentável da madeira. Também serão convidados a participarem da ação parlamentares, acadêmicos, arquitetos, engenheiros, jornalistas, dentre outros.

A agenda foi definida na tarde de ontem (31) entre o presidente do Cipem, Rafael Mason e o secretário estadual, André Torres Baby (Sema), que chancelou o apoio da Sema a ambos os projetos.

Mason detalhou ao líder da pasta do meio ambiente que a “Capacitação em Gestão Florestal” contará com a elaboração de cartilhas, manuais e vídeos orientativos e promocionais do setor da base florestal utilizando tecnologia realidade aumentada e virtual. Segundo ele, num primeiro momento o Cipem visitará as cidades de Juína, Juruena, Colniza e Aripuanã realizando encontros para levantar as demandas e sugestões com empresários deste segmento industrial. Na seqüência, a realização de oficinas técnicas com cada tema sugerido com a participação dos órgãos ambientais.

O projeto de capacitação em gestão será replicado a todas as regiões madeireiras do Estado tendo como base a experiência na região Noroeste.

Também estão convidados a integrar as capacitações a Associação Mato-grossense dos Engenheiros Florestais (AMEF) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).