Conteúdos > Notícias

Empresários de Santa Carmem conhecem estrutura do Cipem e Sindusmad

Publicado em 04 de Agosto de 2017
 

Durante abertura da Expocarmem 2017, instituições foram apresentadas a empresários locais

Na noite de ontem a diretoria do Sindicato das Indústrias Madeireiras do Norte do Estado de Mato Grosso (Sindusmad) e do Centro das Indústrias Produtoras e Exportadoras de Madeiras do Estado de Mato Grosso (Cipem), reuniram empresários de Santa Carmem (38 quilômetros ao norte de Sinop) para apresentar a estrutura de representativade do setor de base florestal em Mato Grosso, durante a abertura da 12ª Expocarmem.

O convite feito pelo prefeito Rodrigo Audrey Frantz, que também é empreendedor do segmento da madeira, teve como objetivo que os empresários locais conhecessem a atuação das instituições na defesa do setor industrial. “O Sindusmad tem grande força de representação no Estado e fora dele. Temos que ser parceiros para defender o que acreditamos. Vemos que Cipem e Sindusmad estão empenhados na busca pelo fortalecimento da indústria florestal e esperamos que em breve possamos comemorar o atendimento do governo às nossas reivindicações”, considerou Frantz. Para ele a ligação do município com as entidades tem como principal foco ampliar o atendimento às empresas.

Já o presidente do Sindusmad, Sigfrid Kirsch, disse que é de fundamental importância que o interior tenha acesso ao que as entidades representam, para que assim suas demandas sejam levadas aos órgãos competentes. “Cipem e todos os sindicatos patronais madeireiros têm como único foco defender o setor industrial junto ao governo, sendo assim, quanto mais empresários encaminharem suas demandas, mais forte o setor será”, explicou.

Recentemente associado ao Sindusmad, o empresário Gilberto Luiz Atoatti, da Querência Madeiras, destacou que “venho acompanhando as atividades e percebo a importância da união dos empresários. Como madeireiro achei muito relevante a presença do Sindusmad e Cipem na reunião de hoje. A base florestal precisa de um sindicato forte que nos apóie porque enfrentamos muitas dificuldades no dia a dia”. Atoatti que está estabelecido em Santa Carmem desde 2011, tem como principal matéria prima o cambará e seus principais clientes estão nos estados do Sul do País, além de Mato Grosso do Sul e São Paulo.